Bem-estar Mamãe nota 10
gravidez

Mamãe nota 10

Gravidez: Perder peso depois da gravidez é um processo trabalhoso, por isso veja dicas de como se cuidar neste momento especial

Dá para voltar ao corpo de antes da gravidez sem neura – o segredo é ter paciência

Não há dúvidas de que a gestação é um momento mágico na vida de mulher. Porém, depois de passados os radiantes nove meses, há um bebê no colo e mil angústias em relação ao corpo com novas formas e funções (como amamentar, por exemplo). Os músculos abdominais ficam esticados, perder peso é um processo mais trabalhoso e os seios podem perder a firmeza. Ter todas as atenções voltadas para o novo membro da família também pode deixar a mãe insegura, com baixa autoestima e se sentindo incapaz de dar conta do recado. Mas não há motivo para desespero: alguns cuidados extras garantem o sucesso na hora de recuperar as antigas formas, mais enxutas e delineadas. E um pensamento clássico também serve de respiro para as mais ansiosas: viva um dia de cada vez, sem pressa ou agonia. Curta seu pimpolho e tenha paciência, que aos poucos tudo volta ao normal!

1)  Não entre na paranoia de se espelhar em celebridades que perdem 12 kg no primeiro mês após a gravidez. Este tipo de marketing agressivo só gera frustração: em geral, as famosas têm uma equipe para auxiliá-las na árdua tarefa cotidiana de perder peso e cuidar de um bebê. Além disso, elas dependem da imagem para sua vida profissional, então podem se dedicar mais a voltar ao peso antigo.

2)  Além de ser saudável para o bebê e aumentar os vínculos afetivos entre a mãe e a criança; amamentar é uma atividade de alto gasto calórico e que ajuda a voltar ao peso antigo mais rápido.

3) Evite os excessos de autoindulgência, de descontar ansiedades e frustrações na comida ou utilizar a gravidez/amamentação como justificativa para se acabar na gulodice. Após o parto, o movimento natural do corpo é para perder o excesso de peso acumulado, então voltar à sua rotina antes da gestação ajuda a eliminar os quilinhos extras.

4) Se necessário, procure um especialista (como nutricionista ou endocrinologista) para dicas mais específicas que impactem diretamente em seu cotidiano: manter uma alimentação saudável e equilibrada, somada a uma rotina regular de exercícios, já ajuda o corpo a “entender” a mensagem de que as coisas estão voltando ao seu lugar – inclusive suas formas. A perda de peso acaba vindo de forma constante e gradual, sem desespero.

5) A prática de exercícios, ainda que leve, ajuda a reestabelecer os músculos. Costas e braços mais fortes para segurar o bebê e amamentar também são importantes nesta nova fase: procure exercícios para fortalecê-los.

6) Especialistas garantem que quem ganhou entre nove e doze quilos durante a gravidez deve recuperar seu peso antigo em até seis meses. Quem engordou mais pode levar de nove meses a um ano, mas sem neuras – emagrecer um quilo por semana é o ideal para manter a saúde nesta fase. E quem se cuidou direitinho durante a gestação, com alimentação balanceada e exercícios leves, geralmente perde o peso extra somente com o aleitamento.

7) O mais importante é sempre ter um acompanhamento médico: ele previne medidas despreparadas, tira possíveis dúvidas, segura a ansiedade e ajuda na saúde física e mental da nova mamãe.

Comentários (4)

  1. Sempre coloco meu comentario nas maioras das dicas. mais na minha opiniao essa foi a melhor estou quase de 6 meses e engordei 6 kilo axo muito pois dos 4 meses pra cá que eu engordei. contine com essas reportagens pois isso ajuda demais. beijos

  2. Sempre fui magra, nunca tive tendencia para engorgar, pesava 60 kg, estou no 4º mês e já ganhei 6kg, mas vale ressaltar que sempre fiu comilona, apelidada de Magali, meu apetite não sofreu grandes alterações. Muito boa essa reportagem! Escrevam sempre sobre o assunto.

  3. Olá, quando engravidei pesava entre 58 a 60kg, engordei 12kg durante a gestação, e confirmo a matéria amamentar é o melho remédio para voltar ao peso, nos primeiros meses de amamentação, cheguei a pesar 57kg, e mantive enquanto amamentei, após 6 meses, por ter que trabalhar parei de amamentar e até hj 2 anos depois mantenho 60kg, então fica a dica quanto mais tempo amamentar mais facil manter a perca de peso por muito mais tempo.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assinar newsletter
total