GuiaMais
 Verão em São Paulo: o que fazer na cidade

Verão em São Paulo: o que fazer na cidade

Dezembro marca o início do verão no hemisfério sul. O calor promove uma migração para o litoral. Mas quem não tem a oportunidade de viajar nesta época também pode aproveitar as opções que São Paulo oferece.

Um ditado maldoso diz que “shopping é a praia do paulista”. De fato, sombra e ar condicionado são uma boa fuga quando a temperatura passa dos 30 graus. Mas shopping não é o melhor passeio para aproveitar o céu azul e o horário de verão, que deixa os dias mais longos e com mais tempo para curtir a vida lá fora.

Parques

Apesar de ainda não serem em grande número para o tamanho da cidade, São Paulo oferece ótimos parques.  O Parque do Ibirapuera, maior e mais famoso de São Paulo, fica muito cheio aos finais de semana, mas durante a semana costuma ser bastante tranquilo; mesmo na época de férias escolares. Além da tradicional esticada na grama para ler um livro ou tirar um cochilo na sombra, o parque conta com uma oferta variada de passeios culturais.

Outros parques menos famosos mas com ótima estrutura são o Parque da Água Branca, próximo à estação Barra Funda; o Parque da Aclimação, perto do Paraíso; e o Parque Villa-Lobos, na zona sul. O Parque Burle Marx, além de sua belíssima área verde, tem um conjunto artístico e paisagístico projetado por Roberto Burle Marx.

Além disso, quem está na região da Avenida Paulista pode dar um pulinho no Parque Trianon, reserva de Mata Atlântica e ótima parada para dar um respiro da loucura da avenida e ter um pouco de sombra e ar fresco. Na zona leste, o Parque dos Trabalhadores (CERET), no Jardim Anália Franco, tem pistas e quadras para a prática de esportes, além da piscina olímpica. O Parque do Carmo, na região de Itaquera, é o 2º maior da cidade e tem uma extensa área de lazer.

Museus

Museu de Arte Moderna (MAM) sempre tem exposições em andamento, e entrada gratuita aos domingos. Os prédios da OCA e da Bienal têm exposições sazonais, é bom checar antes. O Museu-Afro Brasil, além das exposições temporárias, tem um grande acervo permanente e entrada gratuita todos os dias.

Outros espaços, como o Museu de Arte Contemporânea (MAC) e o Pavilhão das Culturas também costumam ter exposições montadas. Os museus da cidade só não abrem às segundas-feiras. E o Parque do Ibirapuera tem também o Planetário, que é sempre um passeio divertido para as crianças.

Clube

Outra ótima saída são os clubes para quem gosta de utilizar a piscina. Mas na maioria das vezes é preciso ser sócio, então convém se informar melhor antes. As unidades do SESC, espalhadas por toda a cidade, geralmente têm piscina, e só é necessário fazer uma carteirinha de sócio e exame médico para utilizar o serviço.

Gostou das dicas? Deixe seu comentário!

Relacionados

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Newsletter