GuiaMais
 5 dicas de como evitar golpes no WhatsApp

5 dicas de como evitar golpes no WhatsApp

A popularização do WhatsApp transformou completamente a forma como nos comunicamos. No entanto, juntamente com a facilidade proporcionada pela tecnologia, surgiram desafios, como os golpes no WhatsApp.

Ou você já passou por isso ou conhece alguém que já foi vítima desse tipo de crime. Portanto, é essencial entender os mecanismos para evitar essas situações.

Por isso, selecionamos 5 dicas para ajudar você a se proteger de golpes no WhatsApp. Além disso, você aprenderá como agir caso um dia seja vítima desse tipo de ataque virtual. Confira!

1. Ativar a verificação em duas etapas

Uma das melhores maneiras de combater golpes no WhatsApp é ativar a verificação em duas etapas. Esse recurso adiciona uma camada extra de proteção ao seu número, dificultando o acesso de fraudadores à sua conta.

Assim, para ativar essa verificação:

  • Acesse as configurações do WhatsApp.
  • Selecione a opção “Conta” e depois clique em “Verificação em duas etapas”.
  • Ative a verificação inserindo um código de seis dígitos.

Escolha um código que você se lembre, pois ele será solicitado ocasionalmente para confirmar sua identidade. Não compartilhe esse código com ninguém, apenas você deve conhecê-lo.

Ao escolher uma senha, evite números sequenciais, repetidos ou datas de aniversário. Assim, ao ativar a verificação em duas etapas, você reduzirá significativamente os problemas com acesso indevido.

2. Bloquear mensagens suspeitas

Sempre que receber mensagens suspeitas, seja de números desconhecidos ou de contatos da sua agenda, fique atento.

Desconfie de números estranhos, principalmente quando solicitam dados pessoais ou informações sigilosas. Além disso, pode ocorrer de um contato seu ter o WhatsApp clonado, e você receber mensagens de um fraudador se passando por essa pessoa.

Assim, sempre que suspeitar de uma mensagem, bloqueie imediatamente o contato e verifique a veracidade da solicitação.

3. Averiguar informações encaminhadas

Tenha cuidado com as informações que você recebe e encaminha no WhatsApp. Antes de compartilhar qualquer dado ou link, verifique a autenticidade das informações.

Lembre-se de que plataformas podem ser acessadas por fraudadores. Por isso, se você não tiver certeza sobre a veracidade das informações, é melhor evitar compartilhá-las.

Se um amigo ou familiar pedir dinheiro pelo WhatsApp, ligue para confirmar a autenticidade do pedido. Muitos fraudadores usam a plataforma para pedir “empréstimos fictícios” e depois desaparecem.

4. Evitar clicar em links curtos desconhecidos

No WhatsApp, circulam muitos links perigosos, geralmente enviados por golpistas que buscam acessar suas informações pessoais, clonar sua conta ou praticar crimes.

A recomendação é evitar clicar em links desconhecidos. Dessa forma, ao receber um link suspeito, questione o remetente sobre a origem e o conteúdo do link. Se não estiver seguro, não acesse o link para evitar riscos.

5. Não transmitir informações e dados importantes

Não compartilhe senhas, informações pessoais, número de documentos ou dados importantes pelo WhatsApp.

Além disso, instituições bancárias e empresas não costumam solicitar dados pessoais, senhas ou documentos pelo WhatsApp. Se isso acontecer, fique atento, pois pode ser uma tentativa de golpe.

O que fazer se você for vítima de uma fraude?

Você caiu no golpe e precisa de um advogado? Acesse GuiaMais e encontre!

Além disso, informe-se sobre as políticas de segurança dos aplicativos e as regras de utilização das plataformas para minimizar riscos e usar os serviços com mais tranquilidade.

Você gostou deste artigo? Então deixe seu comentário!

Relacionados

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Newsletter