Viagens Aventura no interior

Aventura no interior

Turismo ecológico e de aventura são atrações no interior paulista. Confira as dicas de passeios e práticas radicais como arvorismo, rapel, tirolesa, rafiting e balonismo em São Roque, Brotas e Socorro.

 São Roque, Brotas e Socorro, no interior de São Paulo, oferecem boas opções para esportes radicais

Para quem quer fugir do tumulto nas praias do litoral paulista, repletas de trânsito e superlotadas durante o verão, uma boa saída pode ser partir para o interior. Menos agitadas mas ainda assim com boas opções de passeios e lazer, o destaque vai para os esportes radicais, bastante explorados em algumas regiões e com grande variedade de modalidades, atraindo os amantes de aventura.

São Roque, a apenas 60km da capital, é procurada também pela boa comida. Suas vinícolas a fazem famosa pelo seu vinho, oferecidos para degustação; e a tradição italiana torna as cantinas e massas destino certo para uma boa refeição. Mas o grande atrativo da cidade continua sendo a variedade no turismo de aventura, que conta até com uma pista de neve artificial, para a prática de esqui e snowboard durante o inverno. Para os mais conservadores, há também arvorismo, rapel, pedaladas de mountain bike, tirolesa, escalada e trilha, entre outros. As reservas também rendem boas caminhadas, especialmente a Mata da Câmara, reserva ecológica de mata atlântica reconhecida pela UNESCO, com 54 alqueires de mata preservada. Já o balonismo pode ser um bom caminho para quem quer explorar uma atividade diferente.

Brotas, a 250km de São Paulo, é outra cidade famosa pelos esportes radicais, com destaque para o rafting, o mais popular dentre os passeios de aventura praticados na região. A descida em corredeiras é feita em grupos com botes infláveis, equipamentos específicos e orientação de um instrutor. Com algumas variações dentro da modalidade, há também oferta de trechos mais curtos e calmos (mini-rafting) e prática em noite de lua cheia, com equipamentos especiais para segurança (rafting noturno). O canionismo (ou “canyoning”), descida de cachoeiras através de uma corda, utilizando a técnica do rapel, também é bastante forte na região. Para quem prefere ficar longe da água, também é fácil encontrar arvorismo, tirolesa, cavalgadas, trilhas e off road, entre outros esportes.

A cidade de Socorro também é destino certo para os aventureiros de plantão. Distante 132km da capital, oferece diversas atividades para quem quer explorar outros esportes, especialmente durante o verão, temporada famosa pelas chuvas que aumentam o volume das águas dos rios da região, ótimos para a prática de rafting, canoagem, boiacross, ducking e Acqua-ride, algumas das modalidades encontradas. O turismo ecológico também é bem forte na região.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assinar newsletter
total